Participação política, formas de atuação e trajetórias sociais: um estudo sobre o militantismo em causas educacionais em Paulo Afonso-BA

Divânia Cássia Silva

Resumo


Este estudo está inserido nas discussões teóricas acerca do militantismo e do engajamento. O presente trabalho investiga as trajetórias dos militantes dirigentes dos movimentos sociais voltados para a causa da educação no município de Paulo Afonso-BA. Procurou-se apreender quais os recursos sociais acionados e reconvertidos para diferentes formas de engajamento nos espaços investigados. O capital proveniente da militância religiosa revelou-se como um recurso fundamental para as formas de atuação pesquisadas. Os recursos dos títulos escolares, bem como as redes de relação se mostram como importantes “trunfos” para os militantes estudados, não só em suas militâncias dentro de suas esferas de atuação política, mas também como mecanismos de inserção profissional. Também foram analisadas as redes de relação estabelecidas ao longo das experiências sociais, e sua utilização em favor do ingresso no meio militante e profissional. Tal investigação permitiu, ainda, relacionar este tipo de militantismo a gratificações simbólicas específicas provenientes desses espaços ocupados, como o reconhecimento identitário e redes de amizades. As transformações estruturais ocorridas no município, nas últimas décadas, também foram apontadas, aqui, como importantes fatores que influenciaram as formas de mobilização coletiva analisadas.


Palavras-chave


Trajetórias sociais; Recursos sociais; Militantismo; Engajamento

Texto completo:

PDFA


DOI: https://doi.org/10.5007/1806-5023.2012v9n2p14

Direitos autorais 2013 Divânia Cássia Silva

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

R. Em Tese, revista editada por discentes do PPGSP da UFSC, Brasil, ISSNe 1806-5023

Licença Creative Commons
Revista licenciado pela Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.