Modernismo e nacionalismo: casos paradigmáticos em Portugal e Espanha

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/1807-1384.2020.e65256

Palavras-chave:

Nacionalismo, Antirrepublicanismo, Modernismo, António Ferro, Raul Leal, Eugenio D’Ors

Resumo

O modernismo português que irrompeu nos anos 1914 e seguintes caracterizou-se por uma compleição politicamente tradicionalista, nacionalista e antiliberal. Personalidades desta geração como António Ferro e Raul Leal cedo manifestaram o seu interesse pelo fascismo e a sua descrença na República, o que naturalmente levou a que expressaram uma visão política e cultural que acabou por ver no ideário do Estado Novo a confirmação dos seus anseios nacionalistas. Mas também em Espanha Eugenio D’Ors, amigo de Salazar e de António Ferro, constitui um caso paradigmático de um intelectual que tendo colaborado com revistas modernistas como Quatre gats ou Pèl & Ploma, mais tarde acaba por romper com o Modernismo por achar que esta estética era de uma espontaneidade estéril sem direcção.

Biografia do Autor

Teresa Lousa, Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa, Lisboa

Doutora Ciências da Arte e do Patrimônio (FBAUL, 2013) Universidade de Lisboa, Faculdade de Belas Artes, em Lisboa, Portugal. Investigadora Integrada do CHAM (FCSH, Universidade NOVA de Lisboa). Professora Auxiliar Convidada de Ciências da Arte e do Património, Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa.

Referências

ALMEIDA, António «Salvé Salazar!» uma carta de Raul Leal (Henoch) ao fundador do Estado Novo português. Pessoa Plural. ISSN: 2212-4179 nº 13 (P./ Spring 2018) p. 73-86

AA. VV. Antologia do Futurismo Italiano. Lisboa: Editorial Veja, 1979.

AA. VV. A Ideia Nacional. 1ª Série. 17 de Março de 1915 a 14 de Maio de 1915.

Disponível em http://hemerotecadigital.cm-lisboa.pt/Periodicos/AIdeiaNacional/N01/N01_item1/index.html. Acesso em 20 dez. 2018

AA. VV. A Ideia Nacional. 2ª Série. 6 de Abril de 1965 a 15 de Junho de 1916.

Disponível em http://hemerotecadigital.cm-lisboa.pt/Periodicos/AIdeiaNacional/N01/N01_item1/index.html. Acesso em 20 dez. 2018

AA.VV. Dicionário de Fernando Pessoa e do Modernismo Português. Coord. Fernando Cabral Martins. Lisboa: Caminho, 2008.

AA.VV. O Ano de Orpheu, Coord. Steffen Dix, Lisboa, Tinta-da-china, 2015

BARREIRA, Cecília. Nacionalismo e Modernismo – De Homem Cristo Filho a Almada Negreiros. Lisboa: Assírio & Alvim, 1981.

BARREIRA, Cecília. “ A Ideia Nacional. Algumas Confidências Modernistas e Nacionalistas” in Steffen Dix (Org.) 1915: o ano de Orpheu,pp.137-146. Lisboa: Tinta-da-china. 2015.

BARRETO, J.. António Ferro. O "editor irresponsável". In Steffen Dix (Org.) 1915: o ano do Orpheu, pp. 215-224. Lisboa: Tinta-da-china, 2015.

CABRAL, Manuel Villaverde. A estética do nacionalismo: modernismo literário e autoritarismo político em Portugal no início do século XX, Novos estudos – CEBRAP nº98. São Paulo Mar. 2014, Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-33002014000100006&lng=pt&tlng=pt Acesso em 20 dez. 2018 http://dx.doi.org/10.1590/S0101-33002014000100006

CESARINY, Mário. O Raul era. Disponível em https://www.escritas.org/pt/t/2839/o-raul-leal-era acesso em 03 dez 2018.

DELGADO, Antonio Sáez. Dicionário de Fernando Pessoa e do Modernismo Português, coordenado por Fernando Cabral Martins, Lisboa, Caminho, 2008. Acesso em 16 de Maio de 2019: https://modernismo.pt/index.php/e/562-eugenio-d-ors

DURAND, Gilbert. Mitolusismos de Lima de Freitas, Guimarães. Co-edição de Perspectivas & Realidades, Lisboa Galeria Gilde, 1987

FERREIRA, Paulo. Correspondence de quatre artistes portugais. Paris: PUF, 1972.

FERREIRA, José Mendes (org.) Antologia do Futurismo Italiano: Manifestos e Poemas. Lisboa: Editorial Veja,1979.

FRANÇA, José-Augusto. O Modernismo na Arte Portuguesa. Lisboa: Biblioteca Breve, 1979.

LEAL, Raul. “O Bando Sinistro”, in Os Caminhos de Orpheu, Lisboa, Biblioteca Nacional de Portugal / Babel, 2015.

LEAL, Raul. “Portugal perante muçulmanos, hindus e pretos”, in A Cooperação – Revista Mensal de Cultura, Informação e Divulgação das Actividades Económicas Nacionais, dir. José da Silva Baptista, Ano VI, n.º 76, Lisboa, pp. 24 e 40, Agosto, 1962

SÁA, Mário. A Invasão dos Judeus. Lisboa: Libânio da Silva, 1925.

SERAFIM, Ferreira. Raul Leal - Um Poeta do Orpheu, disponível em https://www.apagina.pt/?aba=7&cat=91&doc=8047&mid=2 acesso em 03 dez. 2018.

Downloads

Publicado

2020-02-11

Edição

Seção

Artigos - Condição Humana na Modernidade