Cuerpo y naturaleza humana en la obra de Hannah Arendt

Nicolás Patierno, Ricardo Luis Crisorio

Resumo


É comum associar os trabalhos da Hannah Arendt com questões da filosofia política, o totalitarismo e a sua postura crítica sobre os pilares da modernidade, herança teórica de Jaspers e Heidegger. Embora haja essa leitura tradicional, a obra da autora aborda várias questões históricas e políticas relacionadas com as noções de corpo e natureza, entre outros assuntos de interesse político. Desenvolvendo uma metodologia histórico-hermenêutica com base na revisão de fontes primárias e secundárias, o objetivo deste artigo é localizar esses conceitos através dos seus trabalhos mais importantes. Estes incluem uma análise de “Los orígenes del totalitarismo” e “La condición humana” como escritos fundamentais na interpretação do conceito corpo como subordinado à esfera política. Arendt nega a existência da natureza humana inata, prescrita e inquestionável. É a partir da experiência dos campos de concentração que a ideia de natureza – de origem “natural” dos povos –, foi relegada para uma interpretação e aplicação nas mãos da ordem política predominante, concluindo que o totalitarismo é o maior expoente desta pretensão absoluta de apropriação do “natural”.


Palavras-chave


Corpo; Natureza; Vita Ativa; Política; Modernidade

Texto completo:

PDF/A (Español (España))

Referências


Citas

- (ARENDT, 2014, p. 28)

- (ARENDT, 2008, p. 39)

- (ARENDT, 2014, p. 251)

- (ARENDT, 1998, p. 681)

- (ARENDT, 1998, p. 696)

- (ARENDT, 1998, p. 691)

- (ARENDT, 2014, p. 235)

- (ARENDT, 2014, p. 124)

- (ARENDT, 2014, p. 123)

- (ARENDT, 2014, p. 128)

- (ARENDT, 2014, p. 128)

- (ARENDT, 2014, p. 129)

- (ARENDT, 2014, p. 129)

- (ARENDT, 2014, p. 157)

- (ARENDT, 2014, p. 135)

- (DI PEGO, 2015, p. 232)

- (ARENDT, 2014, p. 236)

- (DI PEGO, 2015, p. 234)

- (DI PEGO, 2015, p. 235)

- (DI PEGO, 2015, p. 235)

- (ARENDT, 2006, p. 15)

- (DI PEGO, 2015, p. 236)

- (DI PEGO, 2015, p. 236)

- (ARENDT, 2014, p. 202)




DOI: https://doi.org/10.5007/1807-1384.2016v13n2p1

Direitos autorais 2016 Revista Internacional Interdisciplinar INTERthesis



R. Inter. Interdisc. INTERthesis, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, eISSN 1807-1384

 

Licença Creative CommonsConteúdos do periódico licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.