Manner schnitten em foco: especificidades, estratégias e interculturalidade na tradução de uma embalagem de wafer.

Silvana Polchlopek, Meta Elisabeth Zipser

Resumo


Este artigo analisa e descreve possibilidades e estratégias de tradução a partir da embalagem de um wafer austríaco representativo da cultura daquele país. À luz do funcionalismo de Nord (1991), são feitas considerações acerca de: i) marcas culturais presentes na embalagem que precisariam ser respeitadas pelo tradutor no caso de uma adaptação do produto para o mercado brasileiro; ii) dificuldades lexicais e semânticas observadas no processo tradutório e também sobre iii) estratégias e opções de tradução descartadas durante o processo. Tais considerações reforçam o caráter comunicativo da tradução, além de demonstrar toda a sua complexidade mesmo em textos considerados „simples‟ pelo fato de serem curtos e apresentarem termos técnicos. Embora não discutamos os méritos da tradução técnica em si, a embalagem é representativa para esta modalidade tradutória, revelando marcas culturais importantes a serem observados no processo de tradução.

Palavras-chave


tradução, funcionalismo, cultura, estratégias tradutórias

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


In-Traduções ISSN 2176-7904, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.