Ils sont fous ces traducteurs: considerações sobre a tradução do humor em Astérix

Sabrina Aragão

Resumo


O processo tradutório envolve não só a decifração de uma língua estrangeira, deve-se ressaltar que tal processo lida frequentemente com fatores que vão muito além das palavras, como questões culturais, ideológicas e políticas. Em se tratando de traduções que envolvem não só o texto, mas também imagens, como é o caso da tradução de histórias em quadrinhos, vê-se que a questão da traduzibilidade se coloca de forma bastante visível, visto que a tradução de um texto lida com todos os elementos citados acima atrelados a uma linguagem não-verbal. Nesse sentido, pretendemos analisar como a questão da traduzibilidade se apresenta na tradução de histórias em quadrinhos, tendo em vista características próprias da linguagem em questão, como a utilização de expressões idiomáticas e jogos de palavras a fim de causar o efeito de humor.

 


Palavras-chave


Histórias em quadrinhos; Tradução, Humor

Texto completo:

PDF/A

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


In-Traduções ISSN 2176-7904, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.