Políticas Editoriais

Foco e Escopo

A Revista Estudos em Jornalismo e Mídia tem como objetivo contribuir para o avanço na reflexão científica com foco no Jornalismo e com interesse nas suas relações com a sociedade, o mercado e a academia. Editada pelo Programa de Pós-Graduação em Jornalismo da Universidade Federal de Santa Catarina, a publicação reúne artigos, reflexões, resenhas, entrevistas e relatos de pesquisa assinados por autores brasileiros e estrangeiros. A Revista Estudos em Jornalismo e Mídia tem periodicidade semestral, recebe submissões em fluxo contínuo, circula integralmente em versão eletrônica, e é gratuita.

A EJM foi o primeiro periódico científico da área da Comunicação no Brasil a adotar o DOI, o Digital Object Identifier, código atribuído a cada um dos artigos e que auxilia na catalogação e permite a rápida recuperação de seus dados.

 

Políticas de Seção

Editorial

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares

Apresentação

Os editores ou editores convidados apresentam temas especiais ou dossiês, artigos e autores da edição.

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares

Núcleo Temático

Artigos encaminhados por pesquisadores, avaliados por pares em double blind review, que atendem às chamadas de textos e têm afinidades com as temáticas da edição.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Temas Livres

Artigos encaminhados por pesquisadores, avaliados por pares em double blind review, que não atendem às chamadas de textos, mas abordam outros temas relevantes.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Resenhas

Leituras críticas e descritivas sobre livros e outros produtos semelhantes pertinentes ao campo do Jornalismo e da Comunicação, com no máximo dois anos de seu lançamento.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares

Entrevistas

Diálogos com importantes nomes da pesquisa, do pensamento e da prática jornalística.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares

Comentários

Artigos curtos sem exigências formais acadêmicas na estrutura textual, e que se debruçam sobre temas relevantes para a área.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares

Autores Convidados

Caracteriza-se por artigos de autores convidados que não foi avaliado pelos pares.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares
 

Processo de Avaliação pelos Pares

A publicação dos artigos encaminhados está condicionada a pareceres de ao menos dois membros do Conselho Editorial da revista ou de avaliadores convidados pela Comissão Editorial.
Os procedimentos adotados pelo periódico para análise e aprovação de originais atendem às normas internacionalmente consagradas: avaliação cega e por pares, reforçando impessoalidade, rigor científico e adequação editorial.
Pareceristas recebem originais anônimos para análise, ao passo que os autores têm no final do processo acesso às avaliações de seus textos, também sem a identificação dos pares. Na distribuição dos originais aos avaliadores serão evitadas situações de conflito de interesse ou outras que prejudiquem a análise competente e justa dos textos.
Resenhas, Entrevistas e Comentários serão analisados no âmbito da Comissão Editorial. Não caberá recurso ao trabalho recusado.

 

Periodicidade

Semestral. Impressa de 2002 a 2008.
Exclusivamente eletrônica a partir de 2008.

Recebimento de submissões: Fluxo Contínuo.

 

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

 

Arquivamento

Estudos em Jornalismo e Mídia se preocupa com o acesso ao conteúdo a longo prazo. Caso ocorra algum sinistro nos servidores, os arquivos digitais da revista estão preservados na Rede Cariniana, que utiliza o programa LOCKSS. O LOCKSS cria um sistema de arquivo distribuído entre as bibliotecas participantes, o qual permite que elas criem  arquivos permanentes da revista para a preservação e restauração.

 

Qualis

Ciências Sociais Aplicadas I: B1

 

Estatísticas

Awstats - julho 2008 a junho 2017

Google Acadêmico - Artigos mais citados

Metabase - Estatísticas Counter e Google Analytics - 2017 - presente

 

Taxas para submissão e publicação de textos

A Estudos em Jornalismo e Mídia (EJM) não cobra taxas de submissão e de processamento de artigos (APCs).

 

Política Antiplágio

Antes de serem enviados à avaliação dos pareceristas externos ou a qualquer tempo durante o processo editorial, os artigos submetidos à revista Estudos em Jornalismo e Mídia serão verificados por software para identificação de plágio e/ou autoplágio. Os autores devem garantir a originalidade dos manuscritos e, caso utilizem artigos de outros autores, eles devem ser corretamente citados. Por isso, é possível que os autores recebam eventuais questionamentos durante o processo de avaliação do trabalho submetido, referente às indicações apontadas pelo software utilizado. Todas as colaborações enviadas à revista Estudos em Jornalismo e Mídia são submetidas ao software antiplágio Viper.  No caso de plágio, um parágrafo é suficiente para ser devolvido ao autor, com a indicação do problema. No caso de autoplágio, o máximo permitido é de 10% do texto ou 50% quando for resultado de dissertação de mestrado ou tese de doutorado. Acima disso, o artigo é devolvido, com a indicação do problema. Nesta etapa, o autor pode fazer as alterações necessárias e voltar a submeter o artigo à avaliação da Revista. No caso de plágio não identificado pelo software e denunciado após a publicação do artigo, a Revista fará as investigações necessárias e, se confirmado, fará a retratação, seguindo as orientações do COPE (Committee on Publication Ethics), disponível em:  http://publicationethics.org/resources/guidelines.

 

Diretrizes para avaliadores

Na avaliação dos artigos, os pareceristas devem considerar os seguintes aspectos:

  • Qualidade do texto (gramática, estilística, vocabulário, linguagem científica, clareza das ideias, deduções adequadas às premissas, apropriada utilização de citações e correta aplicação das normas da ABNT – sistema autor-data (onde se inclui o resumo, o título e as palavras-chave);
  • Conteúdo teórico e empírico;
  • Domínio da literatura científica;
  • Atualidade do tema;
  • Contribuição relevante para área do conhecimento;
  • Pertinência da escolha da metodologia e sua correta aplicação;
  • Originalidade do tratamento do tema;
  • Consistência e rigor da abordagem;
  • Correta estrutura de texto e boa qualidade de redação;
  • Importância dos achados;
  • Os resultados encontrados devem ser apresentados com clareza ao longo do texto ou nas considerações finais.

Se o artigo atente a esses critérios, o avaliador deve recomendar a aceitação do texto. Caso contrário, poderá recusar o artigo ou sugerir modificações para nova avaliação. Nesse caso, a Comissão Editorial encaminhará as sugestões de reformulações ao autor, que terá prazo para reformular, atender às observações dos pareceristas e submeter novamente à Comissão Editorial via sistema da revista.