A documentação pedagógica no pensamento de Célestin Freinet

Autores

  • Amanda Cristina Teagno Lopes Marques Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo - Câmpus São Paulo GEPEFE - FEUSP
  • Maria Isabel de Almeida Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-795X.2017v35n1p214

Resumo

A documentação pedagógica tem sido apontada como instrumento metodológico necessário ao trabalho docente, em especial no contexto da educação infantil. Trata-se de proposição recente, ou podemos encontrar em outras épocas a presença da documentação no contexto educativo? Com vistas a recuperar a historicidade dessa prática, objetiva-se apresentar elementos da proposta pedagógica de Freinet, e analisar o papel do registro e da documentação no trabalho por ele desenvolvido. Para tanto, foi realizada pesquisa bibliográfica, tomando como fonte as produções do autor. A análise permitiu-nos identificar diferentes modalidades de registro e documentação presentes na proposta pedagógica freinetiana, coerentes com o projeto de construção de uma escola para o povo.

Biografia do Autor

Amanda Cristina Teagno Lopes Marques, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo - Câmpus São Paulo GEPEFE - FEUSP

Doutora em Educação pela Universidade de São Paulo (USP). Professora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP).

Maria Isabel de Almeida, Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo

Doutora em Educação pela Universidade de São Paulo (USP). Professora da Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo (USP).

Downloads

Publicado

2017-03-31

Como Citar

Teagno Lopes Marques, A. C., & Almeida, M. I. de. (2017). A documentação pedagógica no pensamento de Célestin Freinet. Perspectiva, 35(1), 214-236. https://doi.org/10.5007/2175-795X.2017v35n1p214

Edição

Seção

Artigos de Demanda Contínua