Empregabilidade e competências: uma análise de universitários sob a ótica de gestores de recursos humanos

Keli Cristina de Lara Campos, Vania Franciscon Vieira, Ana Paula de Camargo, Araci Scheguschevski, Fabiana Torres Tavares, Nayane Martoni Piovezan, Sany Robert Alkschbirs

Resumo


A empregabilidade pode ser compreendida como um conjunto de competências e
habilidades necessárias para uma pessoa conquistar e manter um trabalho. A pesquisa
objetivou identificar as características mais importantes e as principais dificuldades
percebidas para a contratação sob o ponto de vista dos gestores de recursos
humanos, bem como as habilidades e competências exigidas atualmente.
Participaram 156 empresas do Estado de São Paulo, que responderam a um questionário
com dados de identificação e sete questões de múltipla escolha sobre empregabilidade.
A coleta ocorreu de forma coletiva em um evento empresarial. Os resultados
apontam que a entrevista é a fase de maior dificuldade num processo seletivo
e que as maiores limitações para se encontrarem candidatos qualificados profissionalmente
são a falta de experiência e a falta de preparo técnico. No âmbito pessoal, a
falta de iniciativa e de motivação ou interesse se destacou, e, no âmbito acadêmico,
a falta de cursos complementares e de atualização foi o ponto principal. Verificouse
que, para efetivação, as empresas procuram, em alto grau, candidatos que possuam
comprometimento ou interesse e responsabilidade.

Palavras-chave


Empregabilidade. Estudante universitário. Recursos humanos. Employability. University students. Human resources.

Texto completo:

PDF


Rev. Psi: Org e Trab R. Eletr. Psico., ISSN 1984-6657, Brasília, Brasil.