Pesquisa participante como opção metodológica para a investigação de práticas de assédio moral no trabalho

Leandro Queiroz Soares, Mario Cesar Ferreira

Resumo


O presente artigo tem como objetivo principal a proposição da pesquisa participante como uma apropriada opção metodológica para a investigação de práticas de assédio moral no trabalho. Secundariamente, objetiva apresentar, de maneira sintética, revisões acerca do fenômeno assédio moral no trabalho e da abordagem metodológica pesquisa participante. Problematiza, fundamentando-se em reflexões acerca das características do assédio moral no trabalho, a predominância instrumental em alguns dos principais estudos, e destaca, baseando-se em pressupostos da pesquisa participante, algumas das vantagens e contribuições ímpares que a referida abordagem pode trazer para os estudos da temática em questão.

Palavras-chave


Assédio moral no trabalho; Pesquisa participante; Instrumentos de pesquisa; Harassment at work; Participant research; Research instruments

Texto completo:

PDF


Rev. Psi: Org e Trab R. Eletr. Psico., ISSN 1984-6657, Brasília, Brasil.