As relações de gênero no contexto organizacional: o discurso de homens e mulheres

Goiacira Nascimento Segurado Macêdo, Kátia Barbosa Macedo

Resumo


Esta pesquisa teve como objetivo levantar quais os discursos de homens e mulheres sobre as relações de gênero em uma organização industrial no Estado de Goiás. Buscou também analisar as construções ideológicas como constituintes dos referidos discursos e o papel desempenhado pela cultura organizacional, como reprodutora de valores da cultura da sociedade e, ainda, as relações de poder como legitimadoras de processos de exclusão ou inclusão perversa, manifestando-se no contexto organizacional. Trata-se de um estudo de caso realizado com trabalhadores de uma indústria farmacêutica em Goiás. Os dados foram coletados por meio de entrevistas e analisados pela técnica de análise gráfica do discurso de Lane. As análises dos dados apontaram para a divisão de tarefas e acessibilidade a promoções verticais, tendo como características a exclusão do gênero feminino. Emergiu dos discursos construções ideológicas que visavam ou mascarar a realidade da exclusão ou negá-la enquanto especificidade das organizações, buscaram fórmulas como a naturalização

Palavras-chave


Gênero. Exclusão/inclusão social. Organizações. Gender relation and of work.

Texto completo:

PDF


Rev. Psi: Org e Trab R. Eletr. Psico., ISSN 1984-6657, Brasília, Brasil.