A sociedade dos vivos

Hector Ricardo Leis

Resumo


A pergunta: qual é o significado da experiência da morte na sociedade contemporânea? A hipótese: que existe uma faceta sombria, degradante da condição humana, associada à privatização institucional ou “pacificação” da morte que estamos assistindo em nossa época. Muitos teóricos sociais contemporâneos apostam em estratégias como a reflexividade para reconstruir a fragmentação do ser humano, porem, essa reconstrução mal poderia vir senão procura apoio em aspectos chaves da condição humana. Apontar alguns dos déficit da teoria social contemporânea e assinalar alguns caminhos para superar impasses da sociedade contemporânea resume a tentativa deste trabalho.

Palavras-chave


Teoria social; Modernidade; Morte

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5007/904

Direitos autorais 2000 Hector Ricardo Leis

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Licença Creative Commons
Esta obra foi licenciada sob uma Licença Creative Commons - Atribuição 3.0 Não Adaptada.

 

Cad. de Pesq. Interdisc. em Ci-s. Hum-s., Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN 1984-8951.