Estudo sobre explicações do senso comum acerca de fatos da vida psíquica: representações sociais do subconsciente, da regressão e da parapsicologia

Autores

  • Alan Índio Serrano Serrano UNIVALI - Itajai - SC

DOI:

https://doi.org/10.5007/933

Resumo

Avalia-se e contextualiza-se publicações destinadas à divulgação da parapsicologia, em Santa Catarina. Estuda-se os discursos de dez pessoas que simultaneamente procuraram tanto atendimento psiquiátrico quanto ajuda de pessoas ligadas a tais divulgações. Como exercício acadêmico aplica-se o método analítico de Serge Moscovici ao que os pacientes denominam “parapsicologia”. Encontra-se, conclusivamente, uma representação social. Discute-se suas formas e seus vínculos à hipnose, ao mesmerismo e a outras representações sociais, bem como algumas de suas funções psicossociais.

Biografia do Autor

Alan Índio Serrano Serrano, UNIVALI - Itajai - SC

Graduação em Medicina pela UFSM (1977), cursou a Residência Médica em Psiquiatria na UFSM, Rio Grande do Sul, e continuou sua formação psiquiátrica na Itália. Especialista em Psiquiatria, titulado pela Associação Brasileira de Psiquiatria e pela Associação Médica Brasileira. Cursou o Mestrado em Psicologia (1998) e o Doutorado Interdisciplinar em Ciências Humanas na UFSC (2003). Professor de psiquiatria do Curso de Medicina, na (UNIVALI). Atua também no Mestrado em Saúde e Gestão do Trabalho, da mesma Universidade. Habilitado para o cargo de professor adjunto de Saúde Pública (UFSC, 2005). Colabora com a Residência Médica em Psiquiatria da Secretaria de Estado da Saúde de Santa Catarina e com o setor de saúde mental do Centro de Pesquisas Oncológicas de Santa Catarina.Mais informações: Currículo Lattes - CNPq.

Downloads

Publicado

2001-01-01

Edição

Seção

Artigos