A constituição de novas regiões por empresas multilocalizadas: o caso da Nestlé de Araras-SP

Marcio Toledo, Samira Peduti Kahil

Resumo


O presente artigo busca compreender como, no período técnico-científico-informacional, grandes grupos industriais, através das estratégias de multilocalização, diversificação, aquisição, propiciam a modernização dos lugares onde se instalam. Aqui analisamos como a indústria de alimentos Nestlé/Araras vem, através da expansão de novos sistemas técnicos (principalmente de informação), exercendo o controle das produções de suas matérias-primas em todo o Estado de São Paulo, modernizando os lugares de produção, levando-os a participar do movimento da globalização.


Palavras-chave


Meio técnico-científico-informacional; Lugar; Território; Gestão empresarial; Technique-scientific-informational middle; Place; Territory; Managerial administration

Texto completo:

PDF/A


Geosul, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. eISSN 2177-5230

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.