Uso de elementos da paisagem como ferramenta para a escolha de áreas adequadas para implantação de loteamentos urbanos – estudo de caso

Autores

  • Dagoberto Port Centro Nacional de Pesquisa e Conservação da Biodiversidade Marinha do Sudeste e Sul - CEPSUL/ICMBIO http://orcid.org/0000-0003-3909-7957
  • Fabiane Fisch Universidade do Vale do Itajaí - UNIVALI

DOI:

https://doi.org/10.5007/2177-5230.2015v30n60p207

Palavras-chave:

Análise da paisagem, Loteamentos, Angola, África

Resumo

A partir da segunda metade do século XX, os países em desenvolvimento tiveram um grande aumento no número de habitantes em áreas urbanas, sem o correspondente aumento do número de moradias. Como consequência, praticamente em todos os países do terceiro mundo, um grande contingente de pessoas vive em áreas sem infraestrutura e com conflitos ambientais. Neste contexto, a questão habitacional é um dos principais desafios a serem vencidos pelos governantes de todos os países. No presente trabalho avaliamos a adequação de seis áreas, na província de Kwanza Sul, Angola. Realizamos a avaliação utilizando elementos da paisagem como ferramenta para a determinação de sua adequação para a implantação de loteamentos. Das seis áreas avaliadas consideramos duas adequadas para o fim a que se destinam, outras três adequadas com restrições e uma avaliamos como inadequada para fins de loteamentos urbanos.

Downloads

Publicado

2015-12-23

Edição

Seção

Artigos