GEOGRAFIA E PANARQUIA: NOTAS TEÓRICAS PARA EVOLUÇÃO DO CONHECIMENTO A RESPEITO DE UM SISTEMA TERRITORIAL

Autores

  • Antonio Carlos da Silva Oscar Júnior Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)

DOI:

https://doi.org/10.5007/2177-5230.2016v31n61p155

Resumo

 Este artigo objetiva uma contribuição à epistemologia da Geografia retomando uma das questões mais pertinentes desta ciência buscando uma compreensão do espaço (objeto da geografia) a partir articulação entre o sócio-institucional e físico-natural, tomando para isso a noção sistêmica e de sistema territorial como recurso para tal. Discute-se neste também a panarquia – que busca a compreensão do ciclo adaptativo e dos padrões e processos de mudança ao longo do tempo nos sistemas complexos- como teoria com grande potencial para a ciência geográfica na compreensão desse sistema territorial e dos desastres, tão notórios hodiernamente. Oferece-se assim, novos rumos para pensar a Geografia e o processo de Ordenamento e Gestão territorial.

Biografia do Autor

Antonio Carlos da Silva Oscar Júnior, Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)

Graduado e Mestre em Geografia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Pesquisador do Laboratório de Climatologia e Análise Ambiental desta mesma instituição sob orientação da Profª. Drª. Ana Maria Brandão. Pesquisador do Laboratório Territorial de Manguinhos, da Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP/FIOCRUZ) e do Núcleo de Geoprocessamento do Instituto Virtual Insternacional de Mudanças Globais (IVIG/COPPE/UFRJ). Já foi consultor da Secretaria de Educação e do Departamento de Urbanismo da Prefeitura Municipal de Duque de Caxias (RJ). Atualmente é Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Geografia da UFRJ.

Downloads

Publicado

2016-06-22

Edição

Seção

Artigos