A invenção de Hugo Cabret: ilustração e cinema na literatura juvenil

Autores

  • Maisa Cordeiro Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
  • Célia Fernandes Universidade Federal da Grande Dourados

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-7917.2016v21n2p145

Resumo

Este artigo analisa a obra A invenção de Hugo Cabret, de Brian Selznick (2007), ambientada na Paris de 1930. O objetivo deste estudo é verificar o diálogo verbo-visual na obra, catalogada como juvenil e integrante do acervo de 2013 do Programa Nacional Biblioteca da Escola - PNBE. O livro traz a ficção da história de Hugo Cabret, que perdeu o pai e precisa sobreviver sozinho, ao lado da história de George Méliès, importante cineasta das primeiras décadas do século XX. A narrativa evidencia a vida de Hugo Cabret, que, em meio às dificuldades particulares da adolescência, lida, ainda, com a ausência do pai, a morte de seu tio Claude, seu único parente, a fome, a solidão e a necessidade de construir sua identidade. Destacam-se, dessa forma, três questões: o diálogo verbo-visual; a representação do cinema; a representação da história de George Méliès. Nessa perspectiva, a análise pauta-se, principalmente, em Camargo (2003) e Groppo (2000). 

Biografia do Autor

Maisa Cordeiro, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

Mestre em Literatura e Práticas Culturais pela Universidade Federal da Grande Dourados - UFGD. Doutoranda em Estudos Literários pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS). Professora no curso de Letras do Centro Universitário da Grande Dourados - UNIGRAN. Integrante do grupo de pesquisa CEELLE - Centro de Estudos em Ensino, Leitura, Literatura e Escrita - UFGD.

Célia Fernandes, Universidade Federal da Grande Dourados

Doutora em Teoria e História Literária pela UNICAMP. Professora do curso de Letras e do Programa de Pós-graduação em de Letras da Faculdade de Comunicação, Artes e Letras da Universidade Federal da Grande Dourados - UFGD. Líder do grupo de pesquisa CEELLE - Centro de Estudos em Ensino, Leitura, Literatura e Escrita - UFGD.

Downloads

Publicado

2016-12-06

Como Citar

CORDEIRO, .; FERNANDES, . A invenção de Hugo Cabret: ilustração e cinema na literatura juvenil. Anuário de Literatura, [S. l.], v. 21, n. 2, p. 145–161, 2016. DOI: 10.5007/2175-7917.2016v21n2p145. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/literatura/article/view/2175-7917.2016v21n2p145. Acesso em: 6 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos