Mímica, diferença e repetição

Marcelo Mendes de Souza

Resumo


Esse artigo pretende discutir o conceito de mímica de Homi K. Bhabha dentro de um contexto mais amplo, ulterior ao contexto dos estudos culturais e pós-coloniais, aproximando dele outros conceitos, tais como os estabelecidos por Gilles Deleuze em Diferença e repetição, entre outros textos, além de outros nomes, tais como Silviano Santiago, Jorge Luis Borges, Franz Kafka e Giorgio Agamben. Como uma espécie de conclusão prévia, ao final, o artigo confronta o conceito freudiano-marxista de Bhabha às Cinco proposições sobre a psicanálise, texto de Gilles Deleuze, de 1973 – desdobrando as discussões sobre psicanálise propostas em O Anti-Édipo, do mesmo autor.


Palavras-chave


Estudos Culturais; Homi K. Bhabha; Mímica; Gilles Deleuze

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7917.2008v13n1p102

Direitos autorais 2008 Marcelo Mendes de Souza

Rev. Anu. Lit. Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis. Santa Catarina. Brasil. ISSNe 2175-7917

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.