Por uma fanerologia das imagens III: o mapa, a terra e a migração das imagens

Autores

  • Eduardo Jorge de Oliveira Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.5007/1984-784X.2015v15n23p4

Palavras-chave:

Mapa, Terra, Ficção, Ausência, Pele do Mundo

Resumo

O objetivo desse texto é ler uma recomposição de mapas em uma cartografia artística e literária, posicionando a ficção entre as noções de profecia e de ausência, determinando outras ins­crições temporais de obra a partir de Nelson Félix. A ficção, a partir do eixo do espaço, reinventa os mapas realizados a partir do modelo gráfico, movimentando-se por textos literários, filosóficos e pe­las coordenadas geográficas que reinventam a superfície do mundo, isto é, seus traços contidos nas suas peles, suas imagens.

Biografia do Autor

Eduardo Jorge de Oliveira, Universidade Estadual de Campinas

Pós-doutorando em Literatura na Universidade Estadual de Campinas.

Downloads

Publicado

2015-12-18