A ópera

Veronica Stigger

Resumo


O texto aqui apresentado é um capítulo extra de Opisanie świata, romance que publiquei em 2013. Trata-se de um livro que nasceu intimamente relacionado com minhas pesquisas à época, sofrendo influências de várias leituras de então na sua escrita. Uma das leituras que mais me influenciou foi Maria com Marcel, de Raul Antelo, que teve um impacto imenso não só sobre as pesquisas que eu vinha desenvolvendo e que desenvolvi nos anos posteriores, mas também na construção do romance, por conta do modo como Antelo tratava alguns temas que eram caros para mim: as relações entre América e Europa e a ênfase em certos autores mais deslocados do modernismo brasileiro, como Raul Bopp, Flávio de Carvalho e a própria Maria Martins. “A ópera”, portanto, quer ser, de um modo enviesado, um ensaio ficcional (uma ficção crítica) sobre o método de Raul Antelo.


Palavras-chave


Raul Antelo; Opisanie świata; Modernismo

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/1984-784X.2018v18n29p115

Direitos autorais 2018 Veronica Stigger

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Boletim de Pesquisa NELIC, ISSNe 1984-784X, Florianópolis, SC, Brasil.

 

CC-by-NC icon