An-arquivista babélico

Davi Pessoa

Resumo


O ensaio traça alguns percursos do procedimento arquifilológico do pensador Raúl Antelo, a partir do duplo fantasma presente, como ele próprio aponta, nos arquivos: a ilusão tautológica e a crença. Esse duplo fantasma é confrontado pelo pensamento de Raúl Antelo através da imagem do an-arquivista, a qual desestabiliza a noção de autonomia nas artes.

Palavras-chave


Arquifilologia; An-arquivismo; Fantasmagoria

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/1984-784X.2018v18n29p21

Direitos autorais 2018 Davi Pessoa

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Boletim de Pesquisa NELIC, ISSNe 1984-784X, Florianópolis, SC, Brasil.

 

CC-by-NC icon