Um homem–orquestra, dissonâncias

Autores

  • Manoel Ricardo de Lima Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro

DOI:

https://doi.org/10.5007/1984-784X.2018v18n29p85

Palavras-chave:

Memória, Presente, Heterogêneo, Dissonância, Obnubilação

Resumo

O artigo parte de uma leitura crítica da proposição elaborada pelo procedimento de Raúl Antelo em torno da construção de séries heterogêneas e imprevistas que armam seu pensamento em direção a uma ficção crítica arquifilológica.

Biografia do Autor

Manoel Ricardo de Lima, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro

Poeta, doutor em Literatura pela Universidade Federal de Santa Catarina e professor na Escola de Letras e no Programa de Pós-Graduação em Memória Social da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro.

Downloads

Publicado

2018-09-05