Babel, arabesco e algaravia: variações

Maria Filomena Molder

Resumo


Neste texto, que tem todo o aspecto de uma conferência, deixei todas as marcas possíveis da oralidade, de modo que o meu sopro pudesse soar ao ouvidor de línguas e pronúncias várias, senhor das arqueologias mais secretas, habitante de duas casas (Argentina e Brasil), convidado em todas, Raúl Antelo. A citação é o ladrão assaltante (ele sabe porquê), meu, dele, nosso, vosso, deles, mensageiro. No seu conjunto, uma homenagem.


Palavras-chave


Babel; Algaravia; Fotografia

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/1984-784X.2018v18n29p96

Direitos autorais 2018 Maria Filomena Molder

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Boletim de Pesquisa NELIC, ISSNe 1984-784X, Florianópolis, SC, Brasil.

 

CC-by-NC icon