O passado atual na revista Oroboro

Autores

  • Gabriel Santo Vaccaro UFSC - Florianópolis, SC

DOI:

https://doi.org/10.5007/1984-784x.2008v8n12p17

Palavras-chave:

Oroboro, Passado, Atual

Resumo

A poesia brasileira dos últimos anos do século passado se caracterizou pela possibilidade de revisitar movimentos e pensamentos anteriores sem restrições, pelo fato de rotular-se como moderna sem a problemática que tal termo originava em outros períodos históricos, e pela integração sem inconvenientes nos mercados onde circulava. Nesse mesmo sentido, e referindo especificamente o caso da revista “Oroboro”, pode-se mencionar que nestes primeiros anos do século vinte e um, o revisitar os tempos pretéritos, o rotular-se moderno e a inserção no mercado continuam sendo uma constante. E é particularmente a primeira das três características citadas, o retornar livremente a fontes passadas, a que será refletida com mais profundidade neste trabalho no momento de pensar as oito programações gráficas nas capas da “Oroboro”.

Biografia do Autor

Gabriel Santo Vaccaro, UFSC - Florianópolis, SC

Graduação em Procuración - Universidad Nacional de La Plata (1994), graduação em Derecho - Universidad Nacional de La Plata (1996) e revalidação em Direito - Universidade Federal de Santa Catarina (2004), Licenciatura em Letras Espanhol e Literaturas (2008). Atualmente é pesquisador na área da Literatura Estrangeira Moderna e em Psicolingüística, Bacharelando no curso de Letras Espanhol e Mestrando e bosista CNPq no Mestrado em Literatura na Universidade Federal de Santa Catarina. Experiência na área de Letras e Literaturas, com ênfase em Espanhol

Downloads

Publicado

2008-10-31