Programas de iluminação para poedeiras semi-pesadas

Clóvis Eliseu Gewehr

Resumo


Com o objetivo de avaliar diferentes programas de iluminação para poedeiras de alto desempenho, o experimento foi conduzido utilizando-se 420 poedeiras semipesadas criadas sobre cama durante 140 dias, dividido em cinco períodos de 28 dias. Foram utilizados três programas: contínuo de 16h de luz e 8h de escuro; programa intermitente com duas fotofases de 2min equidistantes em 16h entre a luz natural e programa com apenas luz natural decrescente. Avaliou-se consumo de ração (g/ave/dia), produção de ovos (%/ave/dia), peso de ovos (g), massa dos ovos (g), conversão alimentar (g/g) e gravidade específica dos ovos (g/cm3). Os resultados foram submetidos a analise de variança e as diferenças ao teste de Tukey (5%). Aves submetidas ao programa intermitente e luz natural decrescente tiveram menor (P<0,05) produção de ovos, consumo de ração e peso de ovos em relação ao programa contínuo de 16h. Programa intermitente com fotofases de 2min e programa de luz natural decrescente não são eficientes para ser fornecido às poedeiras semi-pesadas no início do período de postura.


Palavras-chave


Avicultura; Fotoperíodo; Galinhas; Programas de luz

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7925.2012v25n1p151

Direitos autorais 2012 Clóvis Eliseu Gewehr

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Biotemas. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 2175-7925

Licença Creative Commons
Este periódico está licenciado conforme Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.