Contribuição de estudos para licenciamento ambiental ao conhecimento da avifauna de Santa Catarina, Sul do Brasil

Marcos Antônio Guimarães Azevedo

Resumo


O conhecimento gerado por estudos de licenciamento ambiental, mesmo com amostragens de campo reduzidas, pode colaborar para o registro de espécies da avifauna, ou mesmo ampliar a distribuição em locais pouco amostrados. Neste artigo são apresentados dados obtidos em relatórios preliminares de impacto ambiental onde foi diagnosticada a avifauna em sete empreendimentos de diferentes ecossistemas do estado de Santa Catarina, entre janeiro de 2001 e janeiro de 2004. Os registros ocorreram por  contatos visuais ou auditivos, sendo auxiliados por binóculos, grava dor-de-mão e guias de campo. Foram levantadas 232 espécies de aves, proporcionando a ampliação da distribuição conhecida para cerca de 66 espécies, no estado de Santa Catarina. O hábitat mais prejudicado com a implantação desses empreendimentos foi o florestal, fator de preocupação para a conservação da avifauna dele depen  dente. De forma geral, os fatores de risco associados à avifauna no estado catarinense são: a degra dação ambiental, a captura para criação em cativeiro e a caça para alimentação.


Palavras-chave


Estudos ambientais; Lista da avifauna; Distribuição; Fatores de risco; Santa Catarina

Texto completo:

PDF/A


Direitos autorais 2006 Marcos Antônio Guimarães Azevedo

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Biotemas. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 2175-7925

Licença Creative Commons
Este periódico está licenciado conforme Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.