Comportamento de vacas leiteiras submetidas a um manejo aversivo

Maria José Hötzel, Carla Christina de Miranda Gomes, Luiz Carlos Pinheiro Machado Filho

Resumo


Em pequenas propriedades leiteiras, devido à falta de instalações adequadas para o manejo, as vacas podem ser contidas e submetidas à inspeção ou tratamento veterinário no seu ambiente de ordenha, o que, por sua vez, pode influenciar o comportamento dos animais, perturbando a rotina de manejo. Sete vacas leiteiras, mantidas em sistema intensivo de pastoreio rotativo e ordenhadas duas vezes por dia por dois manejadores, foram expostas a um minucioso exame clínico, durante três dias consecutivos. Dados comportamentais antes e depois do procedimento foram analisados através de uma análise de variância. O comportamento das vacas durante o procedimento indicou forte aversividade. O tratamento não influenciou a distância de fuga mantida em relação ao veterinário ou a uma pessoa desconhecida pelas vacas, avaliadas antes e após o procedimento veterinário (veterinário: antes = 1,2±0,1; após 0,8±0,2; desconhecido: 1,0±0,2 após 1,2±0,2; p=0,3), nem o número de interações agonísticas no grupo, observadas antes (7,1±2) e após (11,5±3) o procedimento (p=0,3), ou um escore de reatividade atribuído a cada animal (p=0,2). Estes resultados não permitem concluir que a aplicação repetida e inevitável de procedimentos veterinários no ambiente da ordenha influencia o comportamento das vacas durante a ordenha ou a sua reatividade ao homem.


Palavras-chave


Gado de leite; Relação humano-animal; Distância de fuga; Etologia; Bem-estar animal

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7925.2009v22n1p135

Direitos autorais 2011 Maria José Hötzel, Carla Christina de Miranda Gomes, Luiz Carlos Pinheiro Machado Filho

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Biotemas. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 2175-7925

Licença Creative Commons
Este periódico está licenciado conforme Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.