Diagnóstico da ocorrência de aranhas do gênero Loxosceles Heineken e Lowe, 1832 (Araneae, Sicariidae) no município de União da Vitória, Paraná

Marta Luciane Fischer, Sergio Bazilio, Thalita Verginia Batista dos Santos, Cristina Brandes Grosskopf

Resumo


Esse trabalho tem por objetivo realizar um diagnóstico comparado da ocorrência de populações de Loxosceles sp. (aranha-marrom) no município de União da Vitória, Paraná. Foram inspecionados substratos naturais e antrópicos presentes no intra- e peridomicílio da área urbana e rural. Loxosceles intermedia Mello-Leitão, 1934 ocorreu em 57% das residências, porém não ocorreu homogeneamente entre os diferentes bairros e substratos e foi menos freqüente do que outras espécies de aranhas encontradas no mesmo habitat. A pequena notificação de loxoscelismo pode ser devida à pequena população de aranhas-marrom em ambientes domiciliares. Apesar de encontrar substratos e condições climáticas aparentemente adequadas no ambiente antrópico, o crescimento de populações de L. intermedia pode ser limitado pela presença de outras espécies de aranhas.


Palavras-chave


Ambiente antrópico; Aranha-marrom; Fauna sinantrópica; Loxosceles intermedia; Loxoscelismo

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7925.2009v22n1p155

Direitos autorais 2011 Marta Luciane Fischer, Sergio Bazilio, Thalita Verginia Batista dos Santos, Cristina Brandes Grosskopf

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Biotemas. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 2175-7925

Licença Creative Commons
Este periódico está licenciado conforme Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.