Spatial distribution of benthic macroorganisms on reef flats at Porto de Galinhas Beach (northeastern Brazil), with special focus on corals and calcified hydroids

Juliana Imenis Barradas, Fernanda Duarte Amaral, Malva Isabel Medina Hernández, Manuel de Jesus Flores Montes, Andrea Quirino Steiner

Resumo


Distribuição espacial dos macroorganismos bentônicos nos recifes da Praia de Porto de Galinhas (nordeste do Brasil) com atenção especial aos corais e hidróides calcários. Apesar da sua importância ecológica e socioeconômica, os recifes de coral estão sob constante ameaça e requerem práticas de gestão adequadas. Dados sobre a estrutura espacial destes ecossistemas são essenciais para projetos de conservação de boa qualidade nestas áreas. Este estudo objetivou analisar a distribuição espacial dos macroorganismos bentônicos do ambiente recifal da praia de Porto de Galinhas, com enfoque especial nos corais e hidróides calcários. Realizou-se um levantamento da plataforma recifal através de mergulho autônomo, utilizando-se transectos em linha de 10m de comprimento. Grandes regiões cobertas por algas foram verificadas, totalizando 53% das observações. Os zoantídeos compreendem o segundo grupo mais representativo (11%). Um total de 173 colônias de corais e hidróides calcários foi observado sendo que 40% destas colônias estavam total ou parcialmente branqueadas.


Palavras-chave


Ambientes recifais; Brasil; Corais; Distribuição espacial; Praia de Porto de Galinhas

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7925.2010v23n2p61

Direitos autorais 2011 Juliana Imenis Barradas, Fernanda Duarte Amaral, Malva Isabel Medina Hernández, Manuel de Jesus Flores Montes, Andrea Quirino Steiner

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Biotemas. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 2175-7925

Licença Creative Commons
Este periódico está licenciado conforme Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.