Avifauna da RPPN da UNISC, Sinimbu, Rio Grande do Sul, Brasil

Samuel Lopes Oliveira, Andreas Köhler

Resumo


Este trabalho apresenta uma lista de 169 espécies de aves registradas na RPPN da Universidade de Santa Cruz do Sul, município de Sinimbu, Rio Grande do Sul. O levantamento foi realizado no período de janeiro de 2007 a janeiro de 2009. Destacam-se os registros de cinco espécies ameaçadas de extinção em nível estadual (Odontophorus capueira, Patagioenas cayennensis, Amazona pretrei, Triclaria malachitacea e Grallaria varia), sendo Amazona pretrei também ameaçada em nível nacional e mundial, além de oito espécies classificadas como "quase ameaçadas" em nível mundial (Triclaria malachitacea, Strix hylophila, Picumnus nebulosus, Piculus aurulentus, Carpornis cucullata, Leptasthenura setaria, Cyanocorax caeruleus e Euphonia chalybea), quatro espécies que não tinham ocorrência previamente conhecida na região (Pulsatrix koeniswaldiana, Trogon rufus, Myiopagis viridicata e Turdus leucomelas) e seis espécies raras ou com poucos registros no Rio Grande do Sul (Accipiter striatus, Geranospiza caerulescens, Micrastur semitorquatus, Chamaeza ruficauda, Macropsalis forcipata e Muscipripa vetula). Estes registros em conjunto com outras pesquisas realizadas na região central da escarpa do Planalto demonstram uma avifauna muito rica, porém desprotegida devido à falta de unidades de conservação, políticas ambientais e fiscalização.


Palavras-chave


Aves; Mata Atlântica; Reserva particular; Vale do rio Pardo

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7925.2010v23n3p93

Direitos autorais 2010 Samuel Lopes Oliveira, Andreas Köhler

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Biotemas. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 2175-7925

Licença Creative Commons
Este periódico está licenciado conforme Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.