Florística e fitossociologia em um trecho de restinga no Litoral Norte do Estado da Bahia

Christiano Marcelino Menezes, Flávia Delgado Santana, Vinicius Sancho Silva, Vanessa Iris Silva, Dorothy Sue Araújo

Resumo


As restingas são ambientes geologicamente recentes e as espécies que as habitam são típicas de ecossistemas adjacentes como as Florestas Ombrófilas, as Matas de Tabuleiro e a Caatinga, sendo este, o aspecto mais importante na sua composição de espécies, que é composta por diversas formas biológicas, tais como árvores, arbustos, herbáceas eretas e reptantes. O estudo foi realizado no Município de Mata de São João na vila de Praia do Forte, localizada ao longo do Litoral Norte do Estado da Bahia. Com o objetivo de avaliar se há existência de diferentes comunidades vegetais em um trecho de restinga, foram locadas quatro transecções de 200m com cinco unidades amostrais de 100m2 cada. Ao final do estudo foram amostrados 1.640 indivíduos distribuídos em 68 espécies. Os dados florísticos e fitossociológicos associados à análise de Cluster apontam a existência de duas comunidades vegetais distintas, sendo elas uma Mata de Restinga (Transecções 3 e 4) e uma Restinga em Moitas (Transecções 1 e 2). Uma elevada diversidade de espécies foi detectada nas transecções 1 e 2 (H’ = 3,882) e 3 e 4 (H’ =3,835), além de uma diferença significativa na composição das espécies entre elas (p < 0,001). As famílias mais representativas em número de espécies foram: Myrtaceae, Rubiaceae e Malpighiaceae.


Palavras-chave


Fitossociologia; Florística; Restinga

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7925.2012v25n1p31

Direitos autorais 2012 Christiano Marcelino Menezes, Flávia Delgado Santana, Vinicius Sancho Silva, Vanessa Iris Silva, Dorothy Sue Araújo

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Biotemas. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 2175-7925

Licença Creative Commons
Este periódico está licenciado conforme Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.