Ecologia reprodutiva de Nyctanassa violacea, Egretta thula e Egretta caerulea no ninhal do rio Pedreira, Santa Catarina

Autores

  • Giulia Caroline Bisinela Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE
  • Tiago Ramos de Andrade Araújo Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE
  • Marta Jussara Cremer Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-7925.2014v27n3p109

Palavras-chave:

Colônia reprodutiva, Sobrevivência, Sucesso reprodutivo

Resumo

Este estudo teve por objetivo caracterizar o ninhal do rio Pedreira e estimar o sucesso reprodutivo das espécies do local. O local de estudo compreendeu o manguezal da desembocadura do rio Pedreira, localizado ao lado do porto de São Francisco do Sul. As amostragens foram realizadas semanalmente durante o ciclo reprodutivo das aves, tendo início no mês de agosto de 2011 e término no mês de março de 2012. Foram quantificados no total 210 ninhos, sendo 60 de Nyctanassa violacea e 150 de Egretta spp. A formação da colônia teve início no fim do inverno e encerrou no início do outono, permanecendo com maior atividade entre setembro e dezembro. O sucesso de eclosão foi muito semelhante entre as espécies, sendo 49% para N. violacea e 50% para Egretta spp. A sobrevivência dos filhotes foi maior para N. violacea, com 32%, quando comparada com Egretta spp. que teve 24% de sucesso de sobrevivência.

Biografia do Autor

Giulia Caroline Bisinela, Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE

Cursando pós-graduação em Auditoria e Licenciamento Ambiental na Univille. Graduada em Ciências Biológicas com habilitação em Biologia Marinha, pela Universidade da Região de Joinville - Univille, unidade de São Francisco do Sul.

Tiago Ramos de Andrade Araújo, Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE

Possui graduação em Ciências Biologicas-com ênfase em Biologia Marinha pela Universidade da Região de Joinville (2012).

Marta Jussara Cremer, Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE

Graduada em Ciências Biológicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1995), mestre em Ecologia e Recursos Naturais pela Universidade Federal de São Carlos (1999) e doutora em Zoologia pela Universidade Federal do Paraná (2007). Atualmente é professora e pesquisadora em tempo integral na Universidade da Região de Joinville. Desenvolve pesquisas na área de Ecologia Animal, com ênfase em Ecologia de Mamíferos Marinhos, atuando também em Biologia da Conservação.

Downloads

Publicado

2014-05-29

Edição

Seção

Artigos