Myxomycetes do estado de Alagoas (Brasil) e notas sobre sua distribuição

Andrea Carla Caldas Bezerra, Vitor Xavier Lima, Juciara Gouveia Tenório, Laise Holanda Cavalcanti

Resumo


O Estado de Alagoas, localizado na Região Nordeste do Brasil, abrange uma área de 27.767 km2 onde diferentes ecossistemas, incluindo manguezal e Floresta Atlântica na costa e caatinga no interior, são encontrados. A literatura relata a ocorrência de 43 espécies de Myxomycetes no Estado, as quais foram registradas em ambientes florestais úmidos ou em bagaço de cana de açúcar armazenado em indústria. Este estudo é o primeiro a registrar espécies de Didymiaceae e os gêneros Badhamia, Comatricha, Perichaena, Reticularia e Stemonaria para Alagoas. É apresentada uma chave para espécies. Licea succulenticola, Reticularia jurana e Stemonaria longa são novas referências para o bioma Caatinga. Licea succulenticola é registrada pela primeira vez no Brasil.

 

 


Palavras-chave


Caatinga; Corologia; Floresta Atlântica; Mixobiota

Texto completo:

PDF/A (English)


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7925.2014v27n3p13

Direitos autorais 2014 Andrea Carla Caldas Bezerra, Vitor Xavier Lima, Juciara Gouveia Tenório, Laise Holanda Cavalcanti

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Biotemas. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 2175-7925

Licença Creative Commons
Este periódico está licenciado conforme Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.