Influência da paisagem nas assembleias de Scarabaeinae (Coleoptera: Scarabaeidae) em um ambiente agrícola no sul de Santa Catarina

Mariana Mrotskoski Niero, Malva Isabel Medina Hernández

Resumo


Reservas Legais visam à conservação de florestas nativas e processos ecológicos, podendo formar mosaicos heterogêneos na paisagem. Este trabalho objetivou descrever e comparar assembleias de besouros escarabeíneos coprófagos para melhor entender a distribuição das espécies dentro da paisagem. A amostragem foi realizada em Içara (SC), em 2014, em ambientes com matas nativas, plantações de eucalipto, de milho e em pastagens. Foram utilizadas 10 armadilhas de atração para insetos vivos em cada local, recolhidas após 48 h. Foi coletado um total de 704 indivíduos e 16 espécies de Scarabaeinae, sendo as mais abundantes: Onthophagus catharinensis (n=213), Canthon smaragdulus (n=128) e Canthidium aff. trinodosum (n=112). Matas nativas obtiveram maiores riqueza e abundância. A similaridade de Bray-Curtis agrupou as assembleias dos ambientes de mata entre si (78% de similaridade), que diferiram das áreas com plantações de eucaliptos, assim como das assembleias de áreas abertas. Foram encontradas espécies com alto Valor Indicador Individual para ambientes de mata e de áreas abertas. A área de ligação entre matas teve grande importância, conectando áreas de mata nativa e auxiliando na conservação de espécies. Conforme o esperado, os resultados confirmam que ambientes mais preservados conservam maior biodiversidade, mas outros elementos da paisagem contribuem com a diversidade regional.


Palavras-chave


Bioindicadores; Conservação; Ecologia de paisagem; Fragmentação; Mata Atlântica

Texto completo:

PDF/A


DOI: http://dx.doi.org/10.5007/2175-7925.2017v30n3p37

Direitos autorais 2017 Mariana Mrotskoski Niero, Malva Isabel Medina Hernández

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Biotemas. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 2175-7925

Licença Creative Commons
Este periódico está licenciado conforme Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.