Amebas testáceas ocorrentes na região de Porto Alegre, RS, IV - Novos registros de Testacealobosea (Protoctista, Rhizopoda)

Vladimir Stolzenberg Torres, Albano Schwarzbold

Resumo


No quarto estudo a respeito de amebas testáceas da região de Porto Alegre, RS, detectou-se a presença dos gêneros Arcella Ehrenberg, 1830, Pyxidicula Ehrenberg, 1836, Difflugia Leclerc, 1815, Cucurbitella Penard, 1902, Centropyxis Stein, 1857, Cyclopyxis Deflandre, 1929 e Pentagonia Gauthier-Lièvre et Thomas, 1958. O presente estudo apresenta uma descrição das características diagnósticas das espécies observadas nesta região.

Palavras-chave


Protista; Testacean-amoebae; Rhizopoda; Systematics

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/%25x

Direitos autorais 2000 Vladimir Stolzenberg Torres, Albano Schwarzbold

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Biotemas. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 2175-7925

Licença Creative Commons
Este periódico está licenciado conforme Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.