Aspectos da biologia e ecologia de Palaemonetes argentinus (Nobili, 1901) (Crustacea, Decapoda, Palaemonidae), no arroio Felizardo, bacia dó médio Rio Uruguai, Uruguaiana, Rio Grande do Sul, Brasil

Claudia Lisiane de Oliveira Azevedo, Edward Frederico Castro Pessano, Diego Seiguer Tomassoni, Marcus Vinicius Morini Querol, Enrique Querol

Resumo


0 trabalho apresenta dados sobre a densidade, biomassa, aspectos da reprodução e crescimento de Palaemonetes argentinus (Nobili, 1901). As capturas foram realizadas sazonalmente, entre o período de julho de 2001 a maio de 2002, em três pontos distintos do arroio Felizardo, afluente do rio Uruguai médio, através da técnica da pesca elétrica. Os resultados obtidos referem-se as quatro estações do ano, tendo sido capturados um total de 551 indivíduos e estimados 604. 0 período de maior densidade e biomassa foi na primavera, com 5.982 ind./ha e 2.057 g/ha, respectivamente. A relação pesocomprimento, obtida para a população de P argentinus, foi Wt = 0,145252 * L 2,679 . A relação fecundidade (NO)- comprimento obtida para a população foi NO = exp. (1,64908 + 0,528255) * Lt e a relação fecundidade (NO) - peso foi Wt = exp. (-1,95674 + 0,0311) * NO. A curva determinada para crescimento em comprimento de P. argentinus foi, respectivamente, Lt = 5,7 (1- e -0,373082 (T - 0,400498)) e Wt = 1,608(1 - e -0,172389 (W - 1,052659)). 0 período reprodutivo ocorre com maior intensidade na primavera e segue de forma reduzida no verão, com um período de repouso no outono e inverno. 0 número de ovos na desova variou entre 18 a 84, com uma moda de 39,88 ovos por fêmea ovigera.

Palavras-chave


Palaemonetes argentin us; Crescimento; Densidade; Biomassa; Reprodução

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/%25x

Direitos autorais 2004 Claudia Lisiane de Oliveira Azevedo, Edward Frederico Castro Pessano, Diego Seiguer Tomassoni, Marcus Vinicius Morini Querol, Enrique Querol

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Biotemas. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 2175-7925

Licença Creative Commons
Este periódico está licenciado conforme Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.