Microhimenópteros parasitOides de moscas coletados em Area urbana e de mata em Itumbiara, Goiás, Brasil

Carlos H. Marchiori, Luiz A. Pereira, Otacílio M. Silva Filho, Lalyne C. S. Ribeiro, Vanessa B. Rodrigues, Sandra B. Arantes

Resumo


Objetivo desse estudo foi verificar a ocorrência de parasitáides, atacando pupas de moscas em Area urbana e de mata em Itumbiara, Goiás, Brasil. Durante o período de março de 2001 a junho de 2002, foram obtidos 909 exemplares de parasitáides em 3.887 pupas de moscas em área urbana e 684 exemplares de parasitáides em 830 pupas de moscas em área de mata em cinco substratos diferentes: fezes humanas, frutas, vísceras de frango, peixe e rins de bovinos. As pupas foram obtidas pelo método de flutuação. Elas foram individualizadas em cápsulas de gelatina até a emergência dos adultos ou de seus parasitOides. A prevalência total do parasitoidismo na área urbana e de mata foi de 23,6% e 82,4%, respectivamente.

Palavras-chave


Hymenoptera; Diptera; Moscas; Parasitóides

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/%25x

Direitos autorais 2004 Carlos H. Marchiori, Luiz A. Pereira, Otacílio M. Silva Filho, Lalyne C. S. Ribeiro, Vanessa B. Rodrigues, Sandra B. Arantes

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Biotemas. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 2175-7925

Licença Creative Commons
Este periódico está licenciado conforme Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.