Uma crítica seminal ao keynesianismo

Autores

  • José Carlos Mendonça UFSC

DOI:

https://doi.org/10.5007/1980-3532.2012n7p70

Palavras-chave:

Marxismo, Keynesianismo, Economia Mista

Resumo

Trata-se de resenha do livro "Marx e Keynes" publicado em 2010 em Portugal pela editora Antígona e ainda inédito no Brasil. Esta resenha se relaciona ao dossiê temático do número 7 da revista "Imperialismo e expansão capitalista em economias emergentes: luta de classes e a análise histórico-sociológica contemporânea."

Biografia do Autor

José Carlos Mendonça, UFSC

Mestre em Sociologia Política (UFSC/2009), Bacharel em Direito (UFSC/2005) e Licenciado em História (UniCEUB/1989). Doutorando em Ciências Sociais (Unicamp). Têm experiência na área de História e Sociologia, com ênfase em História Contemporânea e Sociologia Política. Trabalha como Técnico e Pesquisador junto ao Laboratório de Sociologia do Trabalho da Universidade Federal de Santa Catarina (LASTRO/UFSC), desenvolvendo pesquisas inseridas nos seguintes temas: pensamento social, pensamento político, teoria social; teoria política; história do movimento operário e socialista, marxismo, autonomismos conselhistas, epistemologia, direitos civis e políticos, direitos humanos, fascismo e ditaduras, lutas sociais. Trabalhou profissionalmente com as seguintes temáticas: direito eleitoral, recursos humanos e história moderna e contemporânea.

Downloads

Publicado

2012-06-26

Edição

Seção

Dossiê (artigos e resenhas)