O uso de mapas conceituais como recurso didático para aprendizagem de conceitos na disciplina de Interação Humano-Computador

Autores

  • André Barros de Sales Universidade de Brasília
  • Lucas Douglas N. Coelho Universidade de Brasília
  • Márcia Barros de Sales Universidade Federal de Santa Catarina

DOI:

https://doi.org/10.5007/1807-0221.2012v9n14p66

Palavras-chave:

Mapas Conceituais, Aprendizagem significativa, Interface Humano-computador

Resumo


A buscapor mecanismos para melhorar o processo de ensino-aprendizagem tem sido um dos desafios dos educadores. Nesse contexto e diante da necessidade de oferecer ao aluno recursos didáticos que o envolva no processo de aprendizagemsurgem os Mapas Conceituais que são alicerçados na teoria da aprendizagem significativa de Ausubel. Assim, o presente trabalho tem como objetivo analisar a avaliação dos alunos quanto à abordagem dos mapas conceituais em sala de aula, para avaliar o potencial didático dessa ferramenta. Participaram desse estudo 16 alunos matriculados na disciplina de Interação Humano-Computador do curso de Engenharia de Software da Universidade de Brasília. Esses avaliaram o uso de mapas conceituais como potencial recurso didático para aprendizado de novos conceitos.

Biografia do Autor

André Barros de Sales, Universidade de Brasília

Engenharia de Software

Lucas Douglas N. Coelho, Universidade de Brasília

Engenharia de Software

Márcia Barros de Sales, Universidade Federal de Santa Catarina

Interação Humano-computador, Informática na Educação

Downloads

Publicado

2012-12-16