Direitos humanos e meio ambiente: uma revolução de paradigma para o século XXI

Autores

  • Rogério Silva Portanova UFSC

Resumo

Os Direitos Humanos se constituíram a partir da Revolução
Francesa, e estabeleceram um novo patamar de legitimidade
ética e política de atuação tanto do Estado quanto, principalmente, da sociedade. Este texto pretende mostrar que, através de um processo de constituição e releitura permanente, os Direitos Humanos de alguma forma estabeleceram os marcos de atuação e reivindicação de profundas transformações da sociedade em cada momento histórico preciso.

Biografia do Autor

Rogério Silva Portanova, UFSC

Possui mestrado em Direito pela UFSC (1988) e doutorado em Sociologie Et Anthropologie Du Politique pela Universite de Paris VIII (1994) . Atualmente é Professor adjunto da Universidade Federal de Santa Catarina, Presidente do Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Santa Catarina, Diretor Regional Sul do Conselho Nacional de Secretários Em Ciência e Tecnologia e Professor Convidado da Universidade de Concórdia. Tem experiência na área de Direito , com ênfase em Teoria do Direito. Atuando principalmente nos seguintes temas: ecologia, política.

Downloads

Publicado

2005-01-01

Como Citar

PORTANOVA, Rogério Silva. Direitos humanos e meio ambiente: uma revolução de paradigma para o século XXI. Ilha Revista de Antropologia, Florianópolis, v. 7, n. 1,2, p. 056–072, 2005. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/ilha/article/view/1560. Acesso em: 22 fev. 2024.

Edição

Seção

Especial 20 anos