Identidades e representações do espaço na construção de territórios num assentamento do INCRA em Paraty

Margarita Rosa Gaviria

Resumo


Neste trabalho, apresento algumas reflexões elaboradas sobre o processo social vivenciado pelos agentes sociais que integram num assentamento do Incra (Taquari) em Paraty (RJ).No assentamento do Taquari convivem, além dos beneficiários do Incra, diversos atores sociais com formas de inserção social diferente. Neste cenário, observam-se confrontos que resultam da disputa pela forma de utilização do espaço e pelo controle de instâncias decisórias da vida local. Eu procuro demonstrar de que forma as diferentes formas de utilização do espaço se sustentam em simbologias culturais em torno do ambiente natural e social.

Palavras-chave


Reforma agrária; Meio ambiente; Utilização do espaço; Simbologia

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5007/%25x

Ilha R. Antr., Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC,  Florianópolis, SC, Brasil, ISSNe 2175-8034