La Eficacia Ritual de las Performances en y desde los Cuerpos

Autores

  • Silvia Citro Universidad de Buenos Aires-CONICET

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-8034.2011v13n1-2p61

Resumo

Este artigo analisa alguns dos principais processos envolvidos na eficácia ritual de performances festivas. Concentro-me no papel da música e da corporeidade na geração de  intensos sentimentos e emoções, e destaco como, através da repetição de um prazer coletivo encarnado, o processo ritual promove um tipo peculiar de docilidade. Meu interesse é discutir a abrangência de uma perspectiva interdisciplinar sobre as experiências corporais nas performances rituais. Em consequência, proponho identificar algumas convergências assinaladas pelas teorias sócio-antropológicas,  abordagens filosóficas e psicanalíticas, e mais recentemente pelas neurociências. Desenvolverei essa perspectiva a partir do caso dos rituais do Evangelho das "igrejas aborígenes" dos Tobas do Chaco argentino, analisando a eficácia da ntonaGak, um estado de "alegria" ou a felicidade obtida através do "canto, dança e louvor", que promove a "saúde ", "força" e "poder" entre os artistas.

Biografia do Autor

Silvia Citro, Universidad de Buenos Aires-CONICET

Dra. en Antropología, Investigadora adjunta de CONICET, Profesora Adjunta y Coordinadora del Equipo de investigación de Antropología del Cuerpo y la Performance, Instituto de Ciencias Antropológicas, Sección Etnología, Facultad de Filosofía y Letras, Universidad de Buenos Aires.

Downloads

Publicado

2012-12-03

Edição

Seção

Dossiê Antropologias em Performance II (primeira parte)