STANG, Carla. A walk to the river in Amazonia: ordinary reality for the Mehinaku indians

Autores

  • Thiago Mota Cardoso Universidade Federal de Santa Catarina Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-8034.2012v14n1-2p213

Resumo

Carla Stang, em Walk to the river in Amazonia: ordinary reality for the Mehinaku indians, inicia sua caminhada etnográfica traçando sua experiência, os sentidos, a visão e escuta acionados no caminhar por uma trilha em companhia de Wanakuwalu, sua amiga e acompanhante. A leitura desta instigante etnografia sobre os Mahinaku do alto Xingú nos mostra que a prática do andar e do caminhar como experiência cotidiana ou ordinária tem muito a nos oferecer sobre as experiências e os conhecimentos sobre o mundo do “outro” e pode ser tida como um “alvo” do trabalho antropológico.

Biografia do Autor

Thiago Mota Cardoso, Universidade Federal de Santa Catarina Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social

Doutorando em Antropologia Social - PPGAS/UFSC

Downloads

Publicado

2012-12-27

Como Citar

CARDOSO, Thiago Mota. STANG, Carla. A walk to the river in Amazonia: ordinary reality for the Mehinaku indians. Ilha Revista de Antropologia, Florianópolis, v. 14, n. 1,2, p. 213–219, 2012. DOI: 10.5007/2175-8034.2012v14n1-2p213. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/ilha/article/view/2175-8034.2012v14n1-2p213. Acesso em: 24 abr. 2024.

Edição

Seção

Resenhas