Habitar o pós-colonial: notas sobre trajetórias e pertenças entre pesquisadores indianos na Europa

Autores

  • Vinicius Kauê Ferreira Ecole des Hautes Etudes en Sciences Sociales

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-8034.2017v19n2p245

Resumo

A partir de uma pesquisa etnogra?fica sobre acade?micos indianos em cie?ncias sociais que buscam construir uma carreira na Europa, propo?e-se uma reflexa?o sobre os estudos po?s-coloniais como espac?o privilegiado de significac?a?o de trajeto?rias e de sentimentos de pertenc?a. Mais precisamente, baseado em interlocuc?o?es de pesquisa com cerca de 20 acade?micos indianos encontrados no Reino Unido, sugere-se que este campo de estudos e? frequentemente apropriado por seus autores em movimentos de inscric?a?o de si no interior de grandes narrativas histo?ricas e imagina?rias em torno das complexas circulac?o?es das quais esses sujeitos sa?o parte constituinte. Para isso, recorre-se a uma articulac?a?o entre dados etnogra?ficos (observac?a?o participante e entrevistas), ana?lise de obras como pra?ticas discursivas e controve?rsias teo?ricas que, como se demonstra neste artigo, sa?o o elemento central na compreensa?o da produc?a?o de sentimentos de pertenc?a entre esses sujeitos, assim como na significac?a?o de suas pro?prias trajeto?rias. Desse modo, este artigo busca aportar elementos etnogra?ficos para o debate sobre os estudos po?s-coloniais.

Biografia do Autor

Vinicius Kauê Ferreira, Ecole des Hautes Etudes en Sciences Sociales

Doutorando em Antropologia Social pela École des Hautes Études en Sciences Sociales de Paris, associado ao Laboratoire dAnthropologie des Institutions et des Organisations Sociales (LAIOS). Desenvolve pesquisa sobre a diáspora intelectual de pesquisadores indianos na Europa. Mestre em Antropologia Social pela Ecole des Hautes Etudes en Sciences Sociales de Paris (2013), onde desenvolveu pesquisa sobre a história da antropologia na Índia, estando associado ao Centre dEtudes sur LInde et lAsie du Sud (CEIAS). Bacharel em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Santa Catarina (2011), vinculado ao Núcleo de Identidades de Gênero e Subjetividades (NIGS) dessa mesma universidade, onde é atualmente pesquisador associado. Ex vice-presidente e presidente da Associação dos Pesquisadores e Estudantes Brasileiros na França (APEB-Fr) entre 2012 e 2013. Foi integrante da Comissão de Comunicação da Associação Brasileira de Antropologia na gestão 2012-2014. Foi editor-fundador da revista Novos Debates, da Associação Brasileira de Antropologia, entre 2013 e 2015.

Downloads

Publicado

2018-03-05

Como Citar

FERREIRA, Vinicius Kauê. Habitar o pós-colonial: notas sobre trajetórias e pertenças entre pesquisadores indianos na Europa. Ilha Revista de Antropologia, Florianópolis, v. 19, n. 2, p. 245–276, 2018. DOI: 10.5007/2175-8034.2017v19n2p245. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/ilha/article/view/2175-8034.2017v19n2p245. Acesso em: 12 jun. 2024.

Edição

Seção

Dossiê Antropologia e Crítica Pós-colonial