Aspectos estruturais de folhas de indivíduos de Guapira opposita (Vell) Reitz (Nyctaginaceae) ocorrentes em Restinga e na Floresta Ombrófila Densa

Marisa Santos, Paulo Cesar Poeta Fermino Junior, Morgana Garcia Vailati, Maria Terezinha Silveira Paulilo

Resumo


Guapira opposita é uma espécie arbórea encontrada em ambiente sombreado e úmido da Floresta Ombrófila Densa e em áreas abertas ensolaradas e com baixa disponibilidade hídrica como as de restinga. Este trabalho teve como objetivo comparar as folhas de plantas da floresta e da restinga, buscando conhecer as carcterísticas morfoanatômicas que favorecem a sobrevivência da espécie em ambientes tão distintos. Os resultados mostraram que variação de algumas características entre folhas de floresta e restinga ajuda a explicar a adaptação da espécie a estes ambientes tão diferentes, como área foliar, densidade estomática, espessura das células epidérmicas, espessura da membrana cuticular, espessura da lâmina foliar, em especial do parênquima paliçádico, e teor de clorofilas. Entretanto, a variação na forma e nas dimensões das células-guarda e do poro estomático ocorrida, parece não favorecer a adaptação das plantas aos diferentes ambientes.


Palavras-chave


Floresta Atlântica; Restinga; Anatomia foliar; Guapira opposita; morfoanatômia; Atlantic Forest; restinga; Leaf anatomy; morphoanatomy.

Texto completo:

PDF


Insula - Universidade Federal de Santa Catarina - Departamento de Botânica - Centro de Ciências Biológicas - Campos Universitário - Trindade - CEP 88040-900 - Florianópolis - SC – Brasil.

ISSN print 0101-9554
ISSNe 2178-4574