As dificuldades de efetivação da democracia: os desafios da resistência à mudança política no Brasil na obra de Celso Furtado

Autores

  • Maria José de Rezende

DOI:

https://doi.org/10.5007/%25x

Palavras-chave:

Democracia, Mudança, Resistência

Resumo

Mapear a problemática da resistencia à mudanca política no Brasil é objetivo central deste artigo. As impossibilidades e as dificuldades de implernentação de um padrão de organização social inclusivo foram os grandes desafios enfrentados pelos homens de ciência e de ação no decorrer do seculo XX. A constituição de uma sociedade democrática no plano político e social foi apontada por Manoel Bomfim, Fernando de Azevedo e Celso Furtado como condicao essencial para reverter o modelo concentracionista da renda. Em razao de nao ser possivel, no âmbito de um artigo somente, apresentar as discussões desses três pensadores, optou-se por demonstrar que, nas reflexões de Celso Furtado, as dificuldades de publicização dos embates entre os interesses diversos constituiam um dos problemas fundamentais da nao-efetivação de uma sociedade democrática no Pais.

Downloads

Publicado

2005-01-01

Edição

Seção

Artigos