As Forças Armadas e a reflexão de Raymundo Faoro sobre a abertura política, 1984

Maria José de Rezende

Resumo


A finalidade deste estudo é analisar os artigos de Raymundo Faoro, produzidos no último ano de vigência da ditadura militar no Brasil, que versavam sobre a democratização do país num ambiente político marcado por questões militares que enredavam a transição em processos que circunscreviam a abertura a uma forma de liberalização que não dava indicações de superação dos autoritarismos impregnados nas práticas sociais e políticas. Os textos de Faoro foram tomados como documentos capazes de revelar os principais movimentos dos agentes que tentavam intervir no curso dos acontecimentos desencadeados a partir de 1973 quando se iniciou o período de distensão.

 


Palavras-chave


Democratização; Forças Armadas; abertura; distensão.

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2178-4582.2009v43n1p97

Direitos autorais 2009 Maria José de Rezende

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

R. Ci. Hum. Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, ISSNe 2178-4582

Creative Commons License Todo o conteúdo do periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

 

.