Cuidado paterno e desenvolvimento infantil

Carina Nunes Bossardi, Mauro Luís Vieira

Resumo


Ao abordar temas referentes ao desenvolvimento humano deve-se considerar os contextos históricos, sociais e culturais que constituem os cenários em que tal desenvolvimento ocorre. Fala-se a respeito da interação biologia e cultura para compreensão dos fenômenos. Este trabalho preocupa-se em investigar questões que envolvem os relacionamentos familiares e os contextos de desenvolvimento. Partindo de uma visão evolucionista discute as diferenças e semelhanças entre os papéis que homens e mulheres assumem frente a parentalidade e a criação dos filhos. As novas configurações familiares, o papel das crenças parentais e a participação paterna são discutidas com relação à influência no desenvolvimento infantil e no comportamento materno e paterno. Todas as reflexões alertam para a importância da compreensão de como está se configurando a paternidade, o papel do pai e a instituição familiar e garantem o caráter interacionista para compreensão do fenômeno, já que envolvem aspectos biológicos, evolucionistas e culturais proporcionados pelo contexto.

Palavras-chave


Psicologia Evolucionista; Contexto de desenvolvimento; Cuidados parentais; Papel paterno

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2178-4582.2010v44n1p205

Direitos autorais 2010 Carina Nunes Bossardi, Mauro Luís Vieira

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

R. Ci. Hum. Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, ISSNe 2178-4582

Creative Commons License Todo o conteúdo do periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

 

.