Empreendedorismo como ideologia: análise do enfoque da revista Exame em dez anos de publicação (1990-99) doi: 10.5007/2178-4582.2010v44n1p97

Vanessa Tavares Dias, Ursula Wetzel

Resumo


A crise estrutural do capitalismo, que teve início em fins dos anos 60 do último século, provocou, dentre outros fatores, a escassez de emprego em todo o país. Ao mesmo tempo em que ocorria a precarização das relações de trabalho, uma nova ideologia formulada e difundida por diversas agências da sociedade civil estabelecia uma nova “ética” do trabalho sob a égide do “empreendedorismo”. A tarefa deste artigo é compreender como a revista Exame aborda esta temática e qual o seu conteúdo ideológico particular. Foram analisados artigos que tratam o tema “empreendedorismo” de todas as edições da revista publicadas entre 1990 e 1999. Os resultados obtidos indicam que as narrativas usam o termo em análise de forma elástica, adaptável ao propósito de cada matéria; todavia tendem a convergir no sentido de valorização do “empoderamento”2 individual e do empresariamento geral, este como condição imperativa para a adaptação aos “novos tempos”.

Palavras-chave


Empreendedorismo; Ideologia; Mídia de negócios

Texto completo:

PDF/A


DOI: http://dx.doi.org/10.5007/2178-4582.2010v44n1p97

Direitos autorais 2010 Vanessa Tavares Dias, Ursula Wetzel

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

R. Ci. Hum. Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, ISSNe 2178-4582

Creative Commons License Todo o conteúdo do periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

 

.