A perspectiva dos pais diante da gestação na adolescência

Autores

  • Ana Cristina Garcia Dias Universidade Federal de Santa Maria
  • Naiana Dapieve Patias Universidade Federal de Santa Maria
  • Marilia Reginato Gabriel Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Marco Antonio Pereira Teixeira Universidade Federal do Rio Grande do Sul

DOI:

https://doi.org/10.5007/2178-4582.2012v46n1p143

Palavras-chave:

Adolescência, Gestação, Família

Resumo

A família é considerada o primeiro e principal ambiente de desenvolvimento dos filhos. Durante a de gestação na adolescência ela pode servir como fonte de apoio ou de estresse para a gestante. O objetivo desse estudo foi descrever as percepções e sentimentos de pais de adolescentes gestantes atendidas em um hospital público de Porto Alegre – RS. Foram entrevistados nove mães e quatro pais com idades variando entre 33 e 55 anos, de diferentes estratos sócio econômicos da população (baixo e médio). Esses pais foram entrevistados através de um roteiro semiestruturado. As análises das entrevistas foram desenvolvidas através do enfoque fenomenológico. Os resultados indicam a multiplicidade de reações, percepções e sentimentos dos pais diante da notícia e da vivência da gestação das filhas adolescentes. Através do apoio parental (ou sua ausência), os pais influenciam na forma como as adolescentes vivenciam essa experiência, tendo um papel importante nesse processo.

Downloads

Publicado

2012-10-23

Edição

Seção

Artigos