Contribuição das âncoras de carreira para entender diferenças e similaridades de gênero e profissão na geração Y

Dione Fagundes Nunes Gomes, Leonardo Nelmi Trevisan, Rodrigo Cunha da Silva, Elza Fátima Rosa Veloso

Resumo


Para investigar o impacto das variáveis: área de atuação e gênero nas âncoras de carreira de pessoas da Geração Y  - objetivo principal deste trabalho - foram utilizados os resultados de pesquisa descritiva, realizada com formandos do curso de administração, no período de 2008 a 2011. Para identificação das âncoras utilizou-se instrumento de Edgar Schein com análise time lag para comparações. Gerência Geral e Criatividade Empreendedora concentraram-se na no gênero masculino, e Estilo de Vida, no feminino. Os profissionais de Finanças da Geração Y apresentaram tendência ao empreendedorismo, enquanto os de Recursos Humanos são menos propensos à âncora Criatividade Empreendedora.


Palavras-chave


geração Y; âncoras de carreira; diferenças e similaridades

Texto completo:

PDF ()


DOI: https://doi.org/10.5007/2178-4582.2013v47n1p152

Direitos autorais 2014 Dione Fagundes Nunes Gomes, Leonardo Nelmi Trevisan, Rodrigo Cunha da Silva, Elza Fátima Rosa Veloso

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

R. Ci. Hum. Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, ISSNe 2178-4582

Creative Commons License Todo o conteúdo do periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

 

.